sexta-feira, 17 de fevereiro de 2017

Adeus, Bolsonaro



Sem comunismo, sem kit gay e sem criminalidade na TV, é o fim da popularidade do Jair Bolsonaro. Assim como os coxinhas, o imbecil foi nada mais que um "parlamentar de manobra". Com inteligência ainda menor que a do Tiririca, Bolsonaro não percebeu que sem o PT ele deixaria de existir...

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Web Analytics