sexta-feira, 2 de dezembro de 2016

Saia às ruas por mim


Fábio Sá e Silva 

Eu ganho, em média, acima do teto constitucional.

Tenho meu salário turbinado por ilegalidades como o auxílio moradia.

Tenho 60 dias de férias por ano.

Alguns de meus colegas não conseguem nem expulsar o Demóstenes Torres, flagrado em rede nacional vendendo serviços para o Carlinhos Cachoeira.

E tem aquele da outra carreira que grampeou a Dilma, em clara violação das leis, e até hoje não teve seu caso apreciado pelo TRF.

Imagina quando violam o seu direito, como você é tratado pelo sistema

Mas, creia em mim, se eu tiver menos poderes ou maior "accountability", será o fim do país

Então quebra essa. Num desses últimos domingos deste ano difícil, deixe a família e os amigos de lado e saia às ruas por mim.



3 comentários :

  1. Só faltou acrescentar no final: "Não posso prometer que no futuro você não venha a ser vítima de abuso de autoridades, caso consigamos barrar essa lei. Mas caso isso aconteça, deixo desde já, minhas sinceras desculpas."

    ResponderExcluir
  2. Isso aí é trôco de pinga para esses bandidos criminosos do muquifo do judiciário!

    Imagine o quanto êsses corruptos corrompidos malandros pilantras CHANTAGISTAS TERRORISTAS recebem de propina do PCC/PSDB-45 e seu narco-tráfico e demais entidades dos políticos, como a extraordinária TV GLOBO!



    CLAUDIA
    PETRALHINHA AMADORA

    ResponderExcluir

Web Analytics