segunda-feira, 17 de julho de 2017

Se houver eleições em 2018, Lula não estará entre os candidatos

Jorge Linden 

Há os que querem a condenação a qualquer preço e, como atores medíocres que são, dizem que "precisamos saber com urgência se Lula poderá concorrer ou não...". Há os ingênuos que dizem que "sob qualquer circunstância Lula poderá concorrer...". E há os fanáticos que dizem que "...se Lula não concorrer e indicar um poste para o seu lugar, votaremos no poste...".

Os primeiros, que querem a condenação, são os que, em nome da "democracia", golpeiam. Os segundos, ingênuos, orbitam num país de Leis e regulamentos estáveis. Não é o caso do Brasil, no momento. Os terceiros, fanáticos, fanatizam.

Na verdade, toda e qualquer análise sobre o Brasil de hoje, precisa levar em conta que o estado de direito está sob o efeito da tecla pause e as demais instâncias de poder, "com STF com tudo...", estão nas mãos tão ferozes quanto retrógradas da direita mais atrasada do planeta.

Conclusão inevitável: Se houver eleições em 2018, Lula não estará entre os candidatos.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Web Analytics