quinta-feira, 13 de julho de 2017

Cineasta Luiz Carlos Barreto considera Moro um terrorista

Um dos maiores nomes do cinema brasileiro, o cineasta Luiz Carlos Barreto criticou duramente a condenação sem provas do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva; Barreto classificou Moro de "terrorista"; “No dia seguinte em que se aprova a reforma trabalhista, condenar sem provas o maior líder popular do país é um complô de agitação para jogar o Brasil numa convulsão social. Voltamos à escravatura. Considero o Moro um terrorista”

247 - O cineasta Luiz Carlos Barreto, um dos grandes nomes da sétima arte no Brasil, criticou duramente a condenação sem provas do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva no caso do triplex do Guarujá.

“No dia seguinte em que se aprova a reforma trabalhista, condenar sem provas o maior líder popular do país é um complô de agitação para jogar o Brasil numa convulsão social. Voltamos à escravatura. Considero o Moro um terrorista”, afirmou ao jornal O Globo.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Web Analytics