quarta-feira, 7 de junho de 2017

Mulher grita "te amo, Temer" e deita no chão em frente ao Planalto


Uma mulher gritou "te amo, Temer" e "eu não quero morrer sem te ver" em referência ao presidente Michel Temer (PMDB), em frente ao Palácio do Planalto, na manhã desta quarta-feira (7). A situação aconteceu momentos antes do início de uma cerimônia no local, segundo relatos ao UOL de pessoas presentes.

Segundo o GSI (Gabinete de Segurança Institucional), a mulher chama-se Janethe Rosa e foi impedida de entrar no Planalto por não estar devidamente credenciada. Questionada pela segurança presidencial, ela disse que "queria falar com o presidente e que não iria embora sem encontrar com a autoridade".

Mesmo com as explicações de como poderia ser credenciada, e sem conseguir entrar imediatamente no Planalto, a mulher tentou invadir o local, quando foi contida por seguranças da guarda presidencial.

Ao dizer que estava passando mal, se deitou embaixo da rampa do prédio, ainda gritando que queria ver o presidente, e foi atendida pelos brigadistas. A mulher foi levada em uma cadeira de rodas para a Coordenação Geral de Saúde da Presidência e aguardou ser retirada do Planalto pelo Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência).

Segundo relatos, para tentar acalmar a mulher, os brigadistas falavam que a levariam para conhecer o peemedebista. Ela, porém, não acreditou e falava "estão mentindo!".

UOL

Um comentário :

  1. Eu acho que contrataram uma atriz para chamar a atenção e dizer que alguém gosta do Temer. Investigar.

    ResponderExcluir

Web Analytics