terça-feira, 27 de junho de 2017

E se...

Moisés Mendes

SE...

E se flagrassem um helicóptero com meia tonelada de cocaína no heliporto panorâmico do sítio de Atibaia? Ou um avião com 600 quilos de cocaína na pista de pouso que Lula mandou construir ao lado do tríplex do Guarujá?

E se uma mula a mando de Lula fosse filmada carregando uma mala com R$ 500 mil? E se entregassem ao Ministério Público uma gravação em que Lula aparece numa conversa mandando alguém continuar calando a boca do Eduardo Cunha com propina todo mês?

E se em outra conversa Lula informasse que escolheria bem uma mula para pegar uma mala com dinheiro, desde que pudesse mandar matar essa mula depois, mesmo que fosse um primo de Garanhuns?

E se Lula viajasse à Rússia e dissesse que foi à União Soviética? E se Lula fosse à Noruega e afirmasse que ali mora o rei da Suécia?

Se Lula ficasse pedante e tentasse usar mesóclises (Nóis do PT dedicar-nos-emos aos mais pobres)?

Se Lula tivesse nomeado Alexandre de Moraes para o Supremo, só para que o Brasil pudesse ouvir a brilhante defesa oral dos votos do novo ministro no Jornal Nacional? Se tivesse indicado dois ministros do TSE que depois iriam absolvê-lo?

Se Lula fosse amigo do Gilmar Mendes? Se tivesse o apoio do pato da Fiesp? Se estivesse cercado de mafiosos e recebesse outros clandestinamente no Palácio do Jaburu?

Se isso e aquilo e mais aquilo outro, Lula poderia vir a ser poupado pela Lava-Jato e disputar a presidência da República em 2018?

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Web Analytics