quarta-feira, 7 de junho de 2017

Doria é uma fraude política


Lindbergh Farias

Uma fraude política em 3 atos:

1- Doria faz um acordo de isenção fiscal em troca de doações de remédios; o montante da isenção, no entanto, é MAIOR do que o valor doado em medicamentos, ou seja, o acordo é altamente lucrativo para as empresas;

2- Fabricantes de remédios não podem vender medicamentos com validade menor que 12 meses; Doria, no entanto, foi mais "generoso", e permitiu que a validade dos remédios fosse de até seis meses;

3- Mesmo assim, os remédios entregues possuem validade inferior ao prazo "generoso" de Doria; alguns medicamentos vencem este mês. O custo da destruição de medicamentos vencidos é responsabilidade da prefeitura.

Não resta a menor dúvida: não fosse a blindagem fortíssima da mídia empresarial, Doria não se elegeria síndico de prédio. É uma peça publicitária de péssimo gosto, um político reacionário e incompetente!

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Web Analytics