sábado, 6 de maio de 2017

Veja e IstoÉ rasgam a fantasia de "juiz" que Moro usava


Veja e IstoÉ explicitam o que o país tenta disfarçar: o juiz, que deveria ser imparcial SEMPRE, é o "inimigo" do réu.

Essas capas, além de provarem que as duas revistas aceitam como NORMAL essa situação, demonstram que jornalisticamente são duas aberrações. Qualquer estudante de jornalismo seria capaz de compreender que não é aceitável opor um magistrado a alguém que ele deve julgar dessa maneira. 

É um atentado ao que se chama de Estado de Direito. Quem trabalha nelas deveria se envergonhar.

Flávio Gomes

Um comentário :

  1. Repetindo comentário de outro post na cara de pau, porque a situação exige.

    As cores tucanas de Moro - amarelo e azul - nem são mais veladas. Nas duas capas? Não pode ser coincidência!

    ResponderExcluir

Web Analytics