domingo, 14 de maio de 2017

O e-mail e o jornalismo dorminhoco

Moisés Mendes 

A chamada grande imprensa está em sono profundo diante da informação que se espalha pelas redes sociais com a suspeita de que o tal rascunho de e-mail de Monica Moura foi forjado.

Um dos grandes jornais do país, um só, já deveria ter entrado nessa história. Se a imprensa tem se vendido como certificadora de informações que circulam na internet, esta foi a grande chance da semana.

O rascunho de email da delatora é a notícia mais importante da Lava-Jato nos últimos dias. Nada hoje é mais relevante do que certificar se a notícia sobre o e-mail forjado é verdadeira.

Mas haveria mesmo interesse em esclarecer a história do rascunho (rascunho?) de e-mail?

(Por que, um dia depois de noticiar o caso com estardalhaço, o Jornal Nacional não deu hoje uma linha sobre o assunto?)

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Web Analytics