segunda-feira, 8 de maio de 2017

Jorge Mardini, Cidadão de Bem, é acusado injustamente de furto qualificado


Esse é Jorge Mardini, proprietário do Rambla, estabelecimento no Moinhos de Vento onde a burguesia porto-alegrense costuma se reunir. Jorge fez um gato na rede elétrica. Como bom cidadão de bem, Jorge é fã do Bolsonaro e acha que bandido bom é bandido morto, mas desde que o bandido seja preto e pobre.

Jorge é contra que os trabalhadores lutem por seus direitos, afinal, no Brasil é burguês corrupto que pode ter direitos. Jorge também deve ser a favor da privatização da CEEE, já que empresas estatais são ineficientes e corruptas. Só ele tem o direito de roubar da CEEE, ninguém mais tem.

A Dialética "O Gato ou o Quico?"


ZH Polícia 
O proprietário da casa noturna e restaurante Rambla, no bairro Moinhos de Vento, em Porto Alegre, afirma que não sabia do "gato" de energia no local. Na quinta-feira (4) à noite, a CEEE flagrou que parte da ligação elétrica do estabelecimento era clandestina. O gerente da casa chegou a ser preso pela Polícia Civil, mas foi liberado nesta tarde. As informações são da Rádio Gaúcha.
Não sabia de jeito nenhum — sustenta o empresário. 
Jorge Mardini atribui à Sulgás o problema ocorrido.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Web Analytics