terça-feira, 18 de abril de 2017

O fascismo faz marketing para Lula

Rubem Gonzalez

Quando o desastrado aprendiz de nazista Sérgio Moro rasgou a fantasia que usava de juiz, escancarou a sua perseguição ao Lula e a Lava-Jato demonstrou que só tinha esse objetivo fascista o presidente tinha mal uns 20% de intenções de voto.

Passado alguns meses o desespero toma conta da Gestapo curitibana e do fantoche tucano vestido de urubu pois hoje Lula bate em torno de 45%, mais do que a soma de todos seus adversários e ganharia no primeiro turno.

Não percebendo que o tiro saiu pela culatra, que simplesmente o Lula contraria a lógica pois ele é totalmente anticíclico e ainda por cima PhD em lidar e tirar proveito e desmascarar canalhas fazendo de seus detratores simples palanques.

Em total pânico o despreparado, inculto e boçal menino de recado das araucárias tendo com única arma - ainda - a truculência e a obtusidade mental tenta num ato que é um misto de desespero e ódio incontido obrigar o Lula a comparecer ajoelhado no milho e assistir calado 87 oitivas de defesa.

Mal sabe o despreparado e limitado arremedo de magistrado que prostituído a movimentos golpistas e ao partidarismo raso que foi esse tipo de comportamento arrogante, prepotente e sem o cuidado de disfarçar todo o conjunto da obra como uma perseguição que fez o Lula disparar nas intenções de voto.

Então que venham as 87 oitivas de defesa, totalmente desnecessárias juridicamente falando pois as 72 testemunhas de acusação elencadas e escolhidas a dedo pelo Mussolini provinciano a única coisa que fizeram foram inocentar o Lula então que o verdugo birrento continue na função de marqueteiro do Lula 2018.



Nenhum comentário :

Postar um comentário

Web Analytics