sexta-feira, 21 de abril de 2017

Advogado de Lula esmaga o porcalista global Merval Pereira

CARTA A MERVAL PEREIRA

21 de abril de 2017
São Paulo, 21 de abril de 2017

Ao
Merval Pereira
Colunista de O Globo
Membro do Conselho Editorial da Globo

Senhor jornalista,

Verdadeiro “segredo de polichinelo”, título de sua coluna de hoje (edição 21/04/2017), é a participação ampla, direta e ilegítima das Organizações Globo na perseguição judicial imposta ao ex-Presidente Luiz Inácio Lula da Silva com o intuito de prejudicar ou inviabilizar sua atuação política. A aliança entre a Globo e os agentes públicos que integram a Lava Jato – hoje alçados à condição de artistas de um filme estarrecedor, que viola os mais elementares direitos fundamentais do investigado – já foi mais discreta. Hoje, a Globo dita as acusações contra Lula e disponibiliza os seus veículos de comunicação para colocá-las em pé.

A história do chamado triplex do Guarujá é um bom exemplo disso. Foi a Globo, em 2010, que iniciou essa farsa de que Lula seria proprietário do apartamento 164-A do Condomínio Solaris. Deu holofote a 3 promotores de Justiça de São Paulo que promoveram um grande espetáculo midiático, transmitido ao vivo pela emissora. Na sequência, o assunto do Guarujá foi parar em Curitiba, nas mãos de uma nova instituição criada no País à revelia da Constituição Federal — a chamada Força Tarefa Lava Jato. E, mais uma vez, o tríplex foi alvo de coletiva transmitida ao vivo pela emissora, com a ajuda de um anedótico PowerPoint.

Mas o que dizem os fatos? Após 24 audiências e o testemunho de 73 depoentes compromissados com a verdade, ruiu a acusação de que Lula teria recebido a propriedade desse apartamento como contrapartida de 3 contratos firmados entre a OAS  e a Petrobras. No rol de testemunhas estavam funcionários da OAS que afirmaram não ser Lula o proprietário e que o ex-Presidente visitou o local uma única vez, para verificar se tinha interesse na compra, mas rejeitou.

A Globo e seus aliados não se rendem à verdade. E isso pode ser bem observado ontem. O jornal Valor Econômico – hoje 100% de propriedade do grupo – publicou, 3 horas antes do depoimento de Leo Pinheiro ao Juízo de Curitiba, o script da  audiência de ontem. Antecipou a troca dos advogados que iria ocorrer, considerando retomada das negociações em busca de uma delação premiada. E deixou claro que o executivo da OAS iria acusar Lula — sem provas — como condição de ver a sua delação aceita pelo MPF. Foi o que ocorreu. Léo Pinheiro deu aos Procuradores da República a sonhada narrativa contra Lula — na contramão dos 73 depoimentos anteriormente colhidos — e com isso viu crescer a chance de sair da prisão ou obter outros benefícios.

As afirmações de Pinheiro, que é corréu na ação e por isso depôs sem o compromisso de dizer a verdade, foram, no entanto, suficientes para que sua coluna concluísse que “Lula é o verdadeiro dono do tríplex e do sítio de Atibaia”. E o senhor foi além: fez ataques diretos e levianos a mim e ao advogado Roberto Teixeira.

Avalio que o senhor sequer assistiu ao vídeo da audiência. Se tivesse assistido, saberia que Léo Pinheiro respondeu às minhas perguntas dizendo que Lula jamais teve as chaves ou usou o imóvel; jamais manteve qualquer pertence pessoal no local; jamais usou ou teve qualquer título da propriedade do apartamento. Ou seja, Pinheiro ao responder às minhas questões — independentemente da versão que havia combinado para ter sua delação premiada aceita — reconheceu que o ex-Presidente jamais praticou qualquer ato que pudesse indicar posse, uso ou gozo do apartamento, que são os atributos necessários para a configuração da propriedade segundo o artigo 1.228, do Código Civil.

Leo Pinheiro ainda reconheceu que deu o mesmo tríplex que afirmara ser de Lula em garantia para a obtenção de recursos para a OAS, o que torna risível a tese por ele sustentada sobre a propriedade do imóvel. Lula seria o dono e a OAS dá o imóvel em garantia, em sucessivas operações, para captar dinheiro no mercado! A situação, portanto, é bem diversa daquela apresentada aos seus leitores.

Registro igualmente Leo Pinheiro negou quando perguntado se algum recurso utilizado no tal tríplex era proveniente da Petrobras. A Folha de S.Paulo, por exemplo, registrou isso em suas páginas na data de hoje (http://www1.folha.uol.com.br/poder/2017/04/1877330-leo-pinheiro-diz-que-lula-pediu-para-ele-destruir-provas-de-propina.shtml). Mas o senhor preferiu mentir aos leitores, dizendo que Leo Pinheiro teria afirmado que “o apartamento foi pago com a propina que o PT obteve por obras na Petrobras”.

Na tentativa de agredir minha atuação profissional, o senhor disse que “o advogado de Lula tentou uma última cartada, que acabou comprometendo ainda mais o cliente”. E narra a seguir que eu teria denunciado a Sérgio Moro a prática de um crime praticado por Leo Pinheiro: “Segundo Zanin, se o apartamento é de Lula, a empreiteira cometeu um crime ao dizer-se dona do apartamento”. Todavia, quem efetivamente assistir a gravação da audiência verá que não fiz qualquer afirmação nesse sentido. Por má-fé ou imprudência, o senhor comete até mesmo erros factuais em suas análises, e esse é um deles.

Quem de fato fez tal colocação foi o ilustre advogado José Roberto Batochio, ex-Presidente da OAB Nacional, com o qual tenho a honra de atuar, afirmando — corretamente, ao meu ver — que as colocações mentirosas de Leo Pinheiro poderiam, em tese, configurar o crime previsto no artigo 171, §2º, inciso I, do Código Penal. O senhor, portanto, errou a pessoa e o tema em sua análise.

Ainda na tentativa de desqualificar a mim e a defesa do ex-Presidente Lula, o senhor fez a seguinte afirmação: “O amigo de Lula Roberto Teixeira, sogro do advogado Cristiano Zanin, chamou-o [Alexandrino Alencar] em seu escritório e combinou fazerem notas frias para regularizar despesas”. Essa situação, todavia, jamais existiu e não tem amparo sequer na delação premiada do executivo da Odebrecht, que jamais fez referência a “notas frias”. Isso é criação sua, com evidente intenção de caluniar o advogado Roberto Teixeira, ex-Presidente da OAB/SBC e que tem uma história ilibada de 47 anos de advocacia.

A propósito, se o senhor e a Globo realmente tivessem interesse na delação da Odebrecht, deveriam começar explicando a tal “sociedade secreta” que Emílio Odebrecht afirmou ter mantido com a emissora para influir em decisões de governo na era do ex-Presidente Fernando Henrique Cardoso, no tocante à privatização da área de telefonia e petróleo. Houve apenas lobby? Tráfico de influência? Por que a Globo até hoje não se manifestou sobre esses graves fatos apontados por Emílio? Prepotência? Falta de uma versão convincente?

Avalio, Merval, que o senhor jamais conseguirá esconder um outro verdadeiro “segredo de polichinelo” — o mal que a Globo faz ao País e à democracia.

Cristiano Zanin Martins

12 comentários :

  1. Na verdade na verdade máscara Caiu só não sei porque o povo Brasileiro não desliga a Globo diante de tantas impiedade desta famigerada Tv para com nosco mentiras em cima de mentiras o nossos ouvidos não​ e pinico para tanta besteira

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tem anos que nem antena coloco na minha TV. Tudo que eu preciso vejo na internet?

      Excluir
    2. Tem anos que nem antena coloco na minha TV. Tudo que eu preciso vejo na internet?

      Excluir
    3. Tem anos que nem antena coloco na minha TV. Tudo que eu preciso vejo na internet?

      Excluir
  2. Na minha casa essa Globo maldita não entra nunca mais e digo mais, estou conversando com minha família e amigos para fazerem o mesmo não só por essa perseguição a esse homem, Lula, como também seus programas e noticiários não têm conteúdos e só servem para alienar o povo.

    ResponderExcluir
  3. Justo. Bastaria desligar e o mal por si, se destrói. ..

    ResponderExcluir
  4. Na verdade a mídia está cada vez mais, quebrando a tradição família com tantas programação inadequada.

    ResponderExcluir
  5. Essa Globo mnerece ser desqualificada e desmontada para não atuar mais, emossoras de televisão mais potente, mais atuantes foram desativada como a manchete e demais, porque não a GLOBO que só mente e faz da verdade um cavalo de batalha para confundir os eleitores.

    ResponderExcluir
  6. Até eu que nem sou esquerda de torcida admito, a Globo é pessima. Lamentável que eles estejam fazendo esse papel, é horrivel ver como manipulam as noticias, é criminoso mesmo. Se não fossem as redes sociais e o you tube para mostrar as montagens todo mundo faria papel de bobo até hoje. na minha casa TV não entra mesmo, a minha quebrou faz uns 4 anos e dei meu ultimo Adeus a ela.

    ResponderExcluir
  7. Eu gosto de comprar as mentiras da Globo, e ver até onde vai a simulações mentirosas e intencionais, e como ele consegue manipular pessoas, graças a Deus o povo brasileiro esta começando a acordar.

    ResponderExcluir
  8. Eu gosto de comprar as mentiras da Globo, e ver até onde vai a simulações mentirosas e intencionais, e como ele consegue manipular pessoas, graças a Deus o povo brasileiro esta começando a acordar.

    ResponderExcluir
  9. Muitas personalidade que têm asco do povo estão empenhando suas biografias na aposta de destruir Lula e o PT justamente porque o Partido dos Trabalhadores e o maior líder político do Brasil e da américa latina, Lula, dão voz aos anseios populares de oportunidade e renda para acabar com a exclusão social. É uma aposta arriscada porque Lula e o PT têm raízes nas organizações populares, as quais não se deixam enganar e sabem perfeitamente quem as representa na cenário político brasileiro.

    ResponderExcluir

Web Analytics