quarta-feira, 15 de fevereiro de 2017

Bolivarianos e Democratas na Terra do Sol


Rodrigo Jardim Rombauer

— Pai, o que é bolivariano?

— É o governo comunista que tivemos até ano passado.

As instituições funcionavam e havia um pacto republicano em que os poderes se respeitavam, cada um com autonomia para agir dentro da sua competência, sem interferência do governo.

A imprensa publicava o que queria, as pessoas iam às ruas protestar sem repressão, podia— se até xingar presidente em coro nos estádios que ninguém soltava fogos para abafar.

A indústria nacional nunca esteve tão aquecida e o Estado tinha uma gama enorme de projetos sociais.

O país tinha pleno emprego, o menor índice de desemprego da história foi um ano antes de derrubarem a presidenta Dilma.

O país tinha posição de destaque na comunidade internacional e estava para ser chamado a participar do Conselho de Segurança da ONU.

— O que houve com o governo bolivariano?

— Foi derrubado num Golpe de Estado e estabeleceu— se uma democracia.

— O que é democracia?

— Democracia é o governo dos que tomaram o poder pelo golpe, todos suspeitos de crimes de corrupção e alguns réus de processos na justiça.

As instituições ficaram corrompidas e não se respeitam mais, o governo interfere, fazendo reuniões secretas na meia da noite.

Foi estabelecida a censura na imprensa, o desemprego disparou, a violência nas cidades aumentou, as manifestações estão sendo reprimidas com violência pela polícia e já ameaçam pôr o exército nas ruas contra possíveis convulsões sociais devido à miséria e ao desespero que se avizinha.

Estão privatizando tudo e o Estado vai ficar mínimo para o povo, retirando— se os projetos sociais.
Vão paralisar o investimento social por duas décadas.

O país virou piada no exterior e a ONU está processando o governo por perseguir politicamente um ex-presidente bolivariano.

— Pai, eu quero viver num país bolivariano.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Web Analytics