sábado, 7 de janeiro de 2017

Jovens decrépitos

Versão brasileira da Juventude Hitlerista
Leandro Fortes

Junto com Kim Kataguiri e Fernando Holiday, esse menino abestalhado demitido por Temer faz parte de uma anomalia social clássica: a juventude reacionária.

Digo anomalia porque o curso natural e hormonal de qualquer jovem é pautado pela inquietude, pela rebeldia e pela subversão. Sem essa profusão de circunstâncias, não há aprendizado real, mas um simulacro de juventude, triste e conservador.

Com o golpe, os velhacos da direita pinçaram esses infelizes para dar uma fachada juvenil a esse sarcófago que virou a República.

Esse Bruno Julio, que prega uma chacina por semana nos presídios brasileiros, foi para o cargo por ser filho do deputado Cabo Julio, do PMDB (e da PM) de Minas Gerais.

Era - e deve voltar a ser - presidente da juventude do PMDB.

Juventude do PMDB é um paradoxo semelhante à juventude do PSDB.

Porque das duas, uma: ou você é jovem, ou é do PSDB.

Essas duas variáveis, numa mesma equação, não fazem sentido algum.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Web Analytics